segunda-feira, 7 de maio de 2012

Médicos católicos colocam-se do lado do Bispo Reig

A CatholicNewsAgency (CNA) reporta que, ao mesmo tempo que os activistas homossexuais fazem pressão política para que o Bispo Juan Antonio Reig Pla seja alvo de algum tipo de acusação legal por ensinar o que a Igreja Católica defende em relação ao auto-destrutivo comportamento homossexual, um grupo internacional de médicos Católicos saiu em sua defesa.

O Bispo Reig foi alvo de intensas críticas depois de condenar o homossexualismo numa homilia realizada na Sexta-Feira Santa, e depois de afirmar que pessoas com atracção homossexual podem experimentar um certo tipo de "inferno" nas suas vidas quando visitam clubes nocturnos gays.

Numa entrevista posterior dada à Religion en Libertad, ele não só reiterou que, para muitas pessoas, as consequências de tal comportamento são um "inferno" nas suas vidas, como afirmou que, com terapia, as inclinações homossexuais podem ser curadas.

Em jeito de resposta à controvérsia, a "State Federation of Lesbians, Gays, Transsexuals and Bisexuals" (FELGTB), juntamente com os "Gay Collectives" de Madrid, planeia dar início a um processo jurídico contra o Bispo por "incitar o ódio".

Como é normal com os activistas LGBT, a organização condena a Igreja Católica, alegando que ela "promove a segregação e a discriminação", e que tais crenças não estão protegidas segundo a Constituição Espanhola. Ou seja, segundo os activistas homossexuais, a liberdade de practicar a fé Cristã não está protegida por um país democrático como a Espanha. Daí se infere que os Cristãos, ao afirmarem que o ânus não é um órgão sexual, não estão a agir dentro dos limites da liberdade de expressão.

. . .

Numa declaração emitida no dia 17 de Abril deste ano, a International Federation of Catholic Doctors Associations não só defendeu o Bispo Reig como se colocou do lado dos ensinamentos da Igreja Católica.

Reforçando uma distinção que o Bispo havia já feito. a Federação colocou ênfase no facto dos médicos Católicos terem um "profundo respeito" pelas pessoas com inclinações homossexuais, mas ao mesmo tempo afirmam o ensinamento de que a Igreja é contra "a práctica homossexual."

Na sua entrevista à Religion en Libertad, o Bispo condenou também a discriminação contra pessoas com inclinações homossexuais mas vincou que a Igreja Católica sempre ensinou que era "intrinsecamente maligno" agir segundo estas inclinações.

Fonte

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...