quarta-feira, 29 de maio de 2013

Quem foram os gémeos Kray?


Os gémeos Kray twins, Ronnie e Reggie, foram gangsteres famosos que aterrorizaram o East End de Londres durante de 20 anos - nos anos 50 e 60 do século passado. Eles geriam uma organização que se dedicava à "protecção", e estavam envolvidos em comércio de drogas, chantagem e prostituição. Eles disparavam para matar, cortavam pescoços ou causavam danos físicos sérios em quem quer que se atrevesse a oferecer-lhes resistência.

As suas vítimas eram espancadas, as suas casas e lojas eram queimadas, e as suas famílias eram ameaçadas com morte ou violação se alguém se atrevesse a dirigir-se à polícia. Até ao fim, as testemunhas estavam demasiado assustadas para se disponibilizarem para falar; como consequência, era dado às testemunhas anonimidade e uma nova identidade em qualquer outra zona ou mesmo país até que eles fossem chamados para testemunhar contra "A Firma" (nome pelo qual eles eram conhecidos).

O líder do gangue, Ronnie Kray, era um homossexual incorrigível, e o seu irmão Reggie era bissexual. Ambos eram o pior tipo de intimidadores homossexuais e as suas carreiras foram exemplos claros de intimidação por parte de homossexuais. Uma das formas favoritas de Ronnie de castigar as vítimas era o de cortas as suas nádegas com uma lâmina de barbear (o que lhe dava um pervertido sentimento de gratificação).  

Um jornal reportou em 1964 que a Scotland Yard estava a investigar um possível relacionamento entre Ronnie Kray e um MP com o nome de Lord Boothby. A verdade dos factos é que Boothby e muitos outros iam ter com os Krays para que estes os fornecessem rapazes para fins homossexuais. Era normal Ronnie movimentar-se publicamente na companhia dum dos seus "rapazes de estimação".

No ano de 1966, no pub com o nome de Blind Beggar (Whitechapel), George Cornell chamou Ronnie de “fat poof”. O líder do gangue disparou sobre a sua cara. O lema de Ronnie era "Atirem sempre com o propósito de matar. Os mortos não causam distúrbios.

Em 1969 os Krays foram declarados condenados de uma série de assassinatos brutais, e acabaram as suas vidas numa prisão de segurança máxima. Uma reportagem de 1977 revelou:

Ronald Kray continua a ser um homossexual activo e predador, não se importando muito com quem sabe disso.

Outra reportagem descreve a forma como Kray foi encontrado na cama com outro preso.

Não só eles eram homossexuais e bissexuais, como numa confissão bizarra feita antes de morrer, Ronnie afirmou que quando ambos eram adolescentes, os irmãos se haviam envolvido numa relação homossexual incestuosa.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...