sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Previsivelmente, lobby sodomita é contra Dia de Orgulho Hetero

O autor de um projeto lei que institui o Dia do Orgulho Heterossexual na cidade de São Paulo, Carlos Apolinário, disse ao R7 que recebeu ameaças por telefone em seu gabinete na Câmara Municipal no começo da tarde desta quinta-feira (4). O projeto ainda deve ser sancionado pelo prefeito da cidade, Gilberto Kassab (sem partido) para que entre oficialmente no calendário da cidade.

Além das ameaças, nesta quinta-feira, o site oficial de Apolinário foi invadido por hackers com uma mensagem que diz que ele insiste em “propor leis que contribuem para propagação de ódio e discriminação”. O invasor se identifica por figli tariki shmotov – RedHack Brasil.

Segundo a assessoria de imprensa do vereador, os 3.000 cadastrados no site receberam um informativo que afirma que “um homossexual é morto a cada 36h”. Além disso, o texto fala que este tipo de crime aumentou 113% nos últimos cinco anos e em 2010, foram 260 mortos. E ainda afirma que “nos três primeiros meses deste ano” foram 65 assassinatos.

Segundo Apolinário, quem invadiu o site não “sabe discutir no plano das ideias”.

- “Essas pessoas são violentas na forma de agir. Não aceitam opinião contrária a deles. Apesar das ameaças, não estou com medo de nada. Parece que o ser humano gay tem mais valor que os outros. Bastou que esse projeto seja aprovado para que as pessoas me afrontassem na internet, nos blogs, nos jornais”, comentou o vereador.

Com informações do R7

COMENTÁRIO:

As ameças que vem sofrendo o vereador, serve para mostrar mais uma vez à sociedade que os ativistas dizem que os gays sofrem ameaças, perseguições e discriminação. Todavia, o que temos visto ultimamente é totalmente o contrário. De ‘pobrezinhos’, eles não tem nada. Basta contrariá-los e logo, logo se tem a reação contrária.

Fonte


Não deixa de ser muito reveladora a posição dos activistas sodomitas. Então eles podem ter o dia de "orgulho" sodomita, mas os adeptos da normalidade sexual não podem? Porquê? Talvez porque eles saibam bem os motivos da sua parada sodomita (intimidação) e vejam a manifestação pública da normalidade como intimidação.

Mas se eles são contra o Dia do Orgulho Heterossexual, então podemos concluir que eles não são a favor da não-existente igualdade (de comportamentos) mas sim a favor da supremacia. O que eles querem é ter poder total para decidir sobre o que é e não é normal ao nível sexual.

O lobby sodomita nada mais é que um grupo de ditadores que usa o poder do Estado para impingir à população o seu auto-destrutivo comportamento.


Abaixo tem-se alguns artigos que mostram quem são eles e como agem:

Ativista cristão pró-família foge do Brasil acusado injustamente de ‘homofobia’

Parada gay de São Paulo usou imagens de ‘santos’ católicos em situações ‘homoeróticas’

Ativistas gays promovem ‘beijaço gay’ nas escadarias da Igreja Católica de Florianópolis, na hora da missa

Justiça determina retirada de outdoors com versículo bíblico, após ação movida por entidade gay na Paraíba

Ativistas homossexuais atacam outdoors do pr. Silas Malafaia sobre apologia à família, no Rio

‘Casal’ gay ameaça acionar justiça para fechar igreja evangélica. Motivo? Suposta ‘homofobia’

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...