quinta-feira, 19 de março de 2015

O porquê dos homossexuais buscarem a salvação através do sexo.

Por Joseph Sciambra (ex-homossexual)

"O desejo de Deus é um sentimento inscrito no coração do homem, porque o homem foi criado por Deus e para Deus. Deus não cessa de atrair o homem para Si e só em Deus é que o homem encontra a verdade e a felicidade que procura sem descanso." ( http://goo.gl/Gosjci )

Eu vi constantemente por todo o mundo homossexual uma polaridade entre o belo e o feio; entre a busca pelo céu, e o colapso até ao inferno; entre o sacrifício abnegado e o egoísmo que consome tudo; entre o mais profundo desejo por amor e o inflexível desespero da solidão.Tal como eu, todas as pessoas buscavam a excitação mais elevada, mas sempre acabavam com a ressaca mais profunda.

Desde a fase inicial da nossa infância que vemos a salvação através do sexo; afirmação, protecção e cura nos braços de outro homem - algo que nós sempre sentíamos que nos havia sido negado. No nosso mundo caído, isto automaticamente se transforma em actividade sexual.

No "Catecismo da Igreja Católica" é dito que através do pecado original, "Adão e Eva perderam imediatamente a graça da santidade original. Eles passaram a ter medo de Deus" (CIC #399). E, tal como os nossos primeiros pais fizerem, nós ficamos com vergonha e fugimos; passamos a ficar ocos e cobrimos a nossa dor com coisas terrenas; agarramo-nos a folhas da figueira e a pessoas - quem quer que se encontre por perto.

Desta forma, o estilo de vida homossexual torna-se solitário, auto-absorvido, e co-dependente; nós instintivamente encolhemos para a posição fetal; nós caminhamos lado a lado com aqueles que pensam como nós, somos muito sensíveis e muito desconfiados; passamos a ter medo e repulsa por qualquer coisa que aos nossos olhos seja uma ameaça.


Dentro do homossexualismo encontramos consolo embora temporariamente. Uma vez que temos medo de Deus, visto ser Ele a Fonte Primária da felicidade duradoura, voltamos a nossa atenção para o imediato e para o familiar; encontramos consolo no físico e no que conseguimos entender com os nossos sentidos.

Neste mundo físico nós passamos a estar totalmente estabelecidos, no entanto, o que nós tão desesperadamente queremos agarrar e manter continua a fugir; o corpo envelhece, murcha e morre. A transcendência que tanto perseguimos entra em colapso à nossa frente; no mundo homossexual isto ocorreu catastroficamente e com proporções quase-Bíblicas durante o ponto mais elevado da crise da SIDA.

Só na pornografia é que a imagem do macho perfeito se manteve viva; a pornografia simbolizava a busca eterna de todos os homens homossexuais: atingir proporções angelicais ao mesmo tempo que se mantém agarrado à carne. O problema é que este sonho é uma fantasia que se transforma numa farsa - uma mentira tão antiga como o próprio homem; a mesma mentira que a serpente disse a Eva: "....sereis como Deus, sabendo o bem e o mal."

Só que, para termos este conhecimento, nós temos também que ser enganados, para só vermos o caminho da salvação à nossa frente -a via fácil e rápida, e não o caminho que Deus preparou para nós. E, à medida que vamos andando nessa via, deslizamos com tanta facilidade que nos esquecemos dos problemas e das dores do passado; passamos a ser complacentes, por alguns instantes, pensamos que tudo vai ficar bem.

Mas subitamente, alguém nos trai, alguém vai-se embora, alguém morre, ou então apanhamos uma doença, e então estamos sozinhos outra vez. Aquilo que nós pensávamos que nos agarrava à felicidade perde-se. Ocasionalmente, então, nós apercebemo-nos que nada é eterno a não ser Deus.

- http://goo.gl/aV80yD

* * * * * * *

A mensagem de Deus para todo  o homossexual que busca a salvação dum estilo de vida auto-destrutivo é a mesma mensagem para todo o ser humano:

Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. - Mateus 11:28

.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...