terça-feira, 17 de maio de 2011

20% dos gays americanos tem o HIV

De acordo com os Centros de Controle de Doenças americanos (em inglês: Centers for Disease Control - CDC) quase metade dos homossexuais infectados com o virus que causa a SIDA não estão cientes de que são portadores da doença mortal.

O recentemente publicado estudo de 21 áreas metropolitanas verificou que de entre os 8,153 sexualmente activos homens homossexuais e bissexuais , um em cada cinco (1562) era portador do HIV. Dos infectados, 44% (680) não sabiam que estavam infectados - e por implicação, a infectar outros.

O CDC diz que os homens que tem relações sexuais com outros homens (MSM = men sex [with] men) expõem-se a maiores riscos de infecção De acordo com o CDC, a taxa de novos contágios entre os MSM é 44% mais elevada do que os homens heterossexuais.

O CDC reportou também que os MSM foram responsáveis por 53% das novas infecções do HIV nos EUA durante o ano de 2006.

O sistema "National HIV Behavioral Surveillance" (NHBS) da CDC recolheu os dados ao entrevistar homens com idades iguais ou superiores a 18 anos em sítios onde se espera que os homossexuais sexualmente activos se encontrem, nomeadamente, bares, clubes e organizações sociais.

O organização americana "Food and Drug Administration" (FDA) tem estado debaixo de pressão por certos lobbis pró-sodomia para levantar a recusa de sangue doado por homens homossexuais. Segundo aqueles que visam a remoção desta recusa dos bancos de sangue, já é possível detectar a presença do HIV através da tecnologia actual.

No entanto, os defensores da política da FDA alertam para o facto de haver um período superior a seis meses após o contágio durante o qual os testes sanguíneos não revelam o HIV. Isto aumenta as hipóteses dum homem homossexual contaminar pessoas inocentes com o seu sangue.

A FDA declara também que os testes podem não detectar todo o sangue infectado. Uma vez que mais de 20 milhões de transfusões são feitas todos os anos, a FDA diz que mesmo uma pequena taxa de erro tem a possibilidade de aceitar sangue contaminado com o HIV.

Conclusão:

Quem é que no seu normal estado mental acha que um comportamento sexual que causa a que 1/5 dos participantes esteja com uma doença mortal seja normal? A homossexualidade não é um comportamento que se deva promover do mesmo modo que o consumo do tabaco não é um comportamento que seja publicitável.

Que outro segmento da sociedade é que está barrado de doar sangue? Ora, os drogados e as prostitutas.

Vejamos então: homens que fazem sexo com outros homens, pessoas dependentes de estupefacientes, e mulheres sexualmente promiscuas estão barrados de doar sangue. O que é que o senso comum nos diz à cerca desses comportamentos?

Claro que para o esquerdista isto não conta para nada uma vez que a promoção da homossexualidade tem um "bem maior" em vista: a destruição da instituição do casamento. Isto mostra que para os supostos "defensores da ciência" a sua ideologia está acima da ciência. Para eles é mais importante combater o casamento do que admitir que a homossexualidade é um comportamento auto-destrutivo.

A tragédia disto tudo (para além dos milhões de jovens que todos os anos são atraídos para a solidão da homossexualidade) é que as mesmas pessoas que acham que a homossexualidade é "normal" são as mesmas pessoas que querem entrar pelas escolas a dentro e dar aulas de "educação sexual".

Não erreis: nem os devassos, nem os idolatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores, herdarão o reino de Deus.
1 Cor 6:10

*Fonte*

2 comentários:

  1. Sou homem e meu Deus diz pra mim toda noite que não há problemas em eu amar e namorar um outro homem. O seu Deus parece dizer o contrário.
    Eu acredito que existe só um Deus, e ele aceita os amores homossexuais. Você também acredita que há só um Deus, e ele não aceita os homossexuais.

    E agora? Como resolver esse dilema? Vamos agredir um ao outro com acusações e mentiras?

    Você sinceramente sente Deus tocando em seu coração quando escreves um texto desses? Pra mim o teu texto parece estar repleto de ódio, de ira, de raiva, de intolerância...

    Por que te preocupas tanto com o casamento? Jesus não constituiu família!

    Por que te irritas com as coisas que acontecem neste mundo se o verdadeiro mundo é o mundo de Jesus?

    Por que acusas e destilas veneno se aquele que é o mais perfeito de todos - Jesus- nunca acusou ninguém? Jesus não é o acusador, Jesus é o consolador.

    Antes de você escrever um texto irmão, ore antes, converse com Deus, lembre-se que é preciso amar os teus inimigos...

    Eu não te conheço, não sei o que passa em seu coração. Mas de qualquer forma esta noite eu orarei por ti meu irmão. Que Deus te glorifique. Fique na paz de Cristo. Amém!

    ResponderEliminar
  2. Anderson, seu Deus deve ser um demônio. Deus não quer sexo entre homens. Deus quer que o sexo seja instrumento da procriação, não da promiscuidade e nem da luxúria.

    Jesus veio de uma família e instituiu o casamento. Ele não se casou porque sua missão não era compatível com o casamento e a família (esposa = viúva, filhos = órfãos).

    Jesus acusou, sim, os fariseus e os condenou. E condenará, depois da morte, os que tiverem violado a Lei.

    Amar os inimigos, sim; amar os erros dos inimigos, não. Jesus nunca pediu para amar o erro.

    Procure a paz de Cristo, Anderson: peça a Deus para dar-lhe a graça duma vida casta e para procurar homens apenas para amizade, não para obter prazer, e não amar os bens passageiros para não desprezar os bens eternos.

    Pare de dizer blasfêmias contra Cristo. Saia da ignorância e compreenda melhor sua mensagem para não ser tão deturpador e violador de Sua palavra quanto os fariseus e saduceus.

    ResponderEliminar

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...