domingo, 11 de setembro de 2011

'Money For Nothing' dos Dire Straits deixa de ser proibida no Canadá

O Sol reporta que as rádios canadianas já podem tocar o clássico Money For Nothing dos britânicos Dire Straits, depois da sua reprodução ter sido proibida em Janeiro.

Em causa estava uma queixa de um ouvinte que alegou «violação dos direitos humanos» pelo facto da canção incluir a palavra «faggot», calão inglês para homossexual.

O órgão regulador da comunicação social no Canadá deu inicialmente razão ao queixoso em Janeiro, mas reviu a decisão após uma análise exaustiva da letra da autoria de Mark Knopfler e Sting.

«A linguagem dos compositores não aparenta conter qualquer gota de malevolência ou insulto», considerou o organismo, que argumenta que o palavrão se integra com toda a razoabilidade na história contada na canção, e que não surge de forma gratuita. Originalmente, a música conta com mais de 8 minutos e centra-se no monólogo de um lojista misógino e preconceituoso que critica os artistas rock.

Não é a primeira vez que Money For Nothing desperta a ira dos ouvintes mais sensíveis. Logo em 1985, foi lançada uma versão sem a palavra «faggot» em resposta às reservas de algumas rádios e canais de televisão.

Money For Nothing foi o maior êxito da carreira dos Dire Straits, tendo atingido o primeiro lugar nas tabelas de singles dos Estados Unidos e Canadá. A revista Rolling Stone incluiu a canção na lista das 100 melhores composições rock para guitarra. O vídeo produzido para a canção é notável por ter sido um dos primeiros da história a conter animação por computador.

1 comentário:

  1. É demais, né? Vivemos dias tão absurdos que beira o inacreditável nos depararmos com notícias tão bizarras.

    ResponderEliminar

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...