domingo, 3 de julho de 2011

Franceses dizem "non!" ao gaysamento


A definição de casamento foi mantida pelo parlamento francês.

A lei francesa foi previamente desafiada por uma dupla de lésbicas que apelava pelo gaysamento como forma de obterem direitos de herança e de custódia que estão reservados ao casamento natural.

O mais alto tribunal francês, no entanto, decidiu em favor da definição tradicional de casamento e disse as lésbicas para irem brincar lá fora.

Casamento

O tribunal disse que era a função do parlamento decidir se se iria ou não alterar a lei, mas os membros da câmara inferior votaram 293 contra 222 em favor da definição tradicional de casamento.

Fonte


Curioso como um dos países mais cristofóbicos da Europa ainda mantenha a sanidade no que toca ao casamento. Portugal, supostamente um país Cristão, foi traído por uma classe política socialista, e viu o gaysamento a ser-lhe imposto. A população poderia ter feito mais.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...