terça-feira, 22 de abril de 2014

Jessie J alterou a sua preferência sexual

A Jessie J, cantora do sucesso mundial "Domino", saiu do armário e admitiu que agora é heterossexual e que busca um homem com quem casar. Para além de ter dito que a sua bissexualidade professada era só "uma fase", e ter falado na sua preferência sexual omnívora no passado, ela agora diz:
Eu agora quero parar de falar nisso por completo e encontrar um marido.
Falando na rede social Twitter, ela disse que tinha que esclarecer as coisas porque, segundo ela, "Sinto que se prosseguir com a minha carreira sem falar nisto, sinto-me quase como uma mentirosa se não o fizer."

A cantora de origem Britânica, cujo nome de nascimento é Jessica Ellen Cornish, disse que não acredita que todos os bissexuais estão a atravessar uma fase e eu "dou ao meu apoio a quem quer ser lésbica/gay/bisexual/transgénero", mas ela não se considera como alguém que pertence a um desses grupos. 

Jessie está longe de ser a única mulher jovem a experimentar uma mudança no seu gosto sexual depois de ter tido sentimentos homoeróticos. Um estudo levado a cabo junto de 13,840 jovens apurou que dois terços daqueles que se descreviam como "inseguros" em relação à sua sexualidade mais tarde descreveram-se como exclusivamente heterossexuais. 

Outro estudo apurou que 75pct das pessoas com idades entre os 17 e os 21, que experimentaram atracção homossexual, mais tarde verificaram que esses sentimentos acabaram e elas eram agora exclusivamente heterossexuais. 


* * * * * * *

Tudo o que é preciso para que se veja que o homossexualismo é um gosto sexual (e não uma característica inata do ser humano) é a existência de pessoas que são bem sucedidas em alterar esse mesmo gosto. E o facto dos activistas lgbt apontarem para pessoas que tentam abandonar o homoerotismo mas não conseguem não anula o facto de ser possível abandonar esse estilo de vida.

Outra coisa a levar em conta é o quão importante é proteger as crianças dos activistas lgbt durante a fase de formação e estabelecimento da sexualidade dos jovens; como se viu em cima, é muito comum um jovem "inseguro" em relação à sua sexualidade mais tarde desenvolver o gosto natural pelo sexo complementar. O que o activismo lgbt faz é capturar a criança nesta fase da sua vida e enganá-la, fazendo-a acreditar que esses sentimentos homoeróticos efémeros que ela tem durante essa fase da sua vida são prova absoluta de ela é, e sempre será, homossexual.

Por isso é que os activistas invadem as escolas públicas e é por isso (ou também por isso) que os activistas lgbt desenvolvem esforços hercúleos para colocar as crianças debaixo da sua nociva influência.


1 comentário:

  1. Infelizmente ela perderá alguns fãs e passará a ser perseguida e hostilisada pela ditadura glbt, com telefonemas, e-mails e todo tipo de ameaça. Abandonar a pratica sodomita, é pior que abandonar o islamismo.

    ResponderEliminar

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...