sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Despedida por não deixar que um homem vestido de mulher use a cabine feminina para experimentar roupas

Uma mulher Cristã foi despedida da Macy's por se recusar a violar as suas convicções religiosas deixando que um homem vestido de mulher experimentasse roupas na cabine destinada às mulheres.

Natalie Johnson alega que viu o homem a sair da cabine feminina e educadamente lhe disse que ele não poderia voltar para lá visto a mesma ser para uso exclusivo das mulheres. O homem disse que ele era uma "mulher".

Johnson disse ele usava maquilhagem e roupa de mulher, mas ele era claramente um homem.

O travesti fazia-se acompanhar por 5 outras pessoas. O grupo deu início a uma discussão acalorada (com recurso a palavrões) e afirmou que a Macy's era "LGBT-friendly".

A isto Johnson respondeu que Macy´s também era um sítio que não descriminava uma pessoa devido a sua fé religiosa, e que permitir que o homem usasse uma cabine para mulheres implicaria que ela violasse as suas convicções Cristãs e mentisse defendendo que ele era uma mulher (ou pactuasse com a homossexualidade).

A seguir a isto, o grupo exigiu falar com o gerente. Este exigiu que ela se acomodasse às políticas LGBT ou perdesse o emprego. Ele recusou-se a violar a sua fé e como resultado foi despedida.

. . . . .

Quando o "direito" de perturbar a ordem pública choca com o direito humano duma Cristã, os esquerdistas há muito que já tomaram partido.

Mas só no ocidente; no mundo islâmico os esquerdistas não fazem campanha pelos "direitos" dos travestis de usar as cabines femininas.

Macys-logo
Agora entendemos o motivo da estrela vermelha.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...