quarta-feira, 27 de abril de 2011

Novas infecções do HIV quase duplicaram nos últimos 10 anos

Inglaterra: O número das novas infecções do HIV atingiram quase o dobro durante os últimos 10 anos, segundo dados da "Health Protection Agency" (HPA). Os peritos avisam que os números estão a aumentar "especialmente entre homens que tem relações sexuais com outros homens" (HSH).

No total foram diagnosticadas 1,950 novas infecções do HIV em 2001 e 3,780 em 2010. O número de infecções entre HSH aumentou 70% - de 1,810 para 3,080.

Há aproximadamente 30,800 HSH a viver com o HIV no Reino Unido (RU) e estima-se que haja cerca de 9,000 que ainda não sabem estarem contaminados.

O peritos médicos afirmam que o sexo anal, devido a natureza do acto, é uma das actividades sexuais mais arriscadas que existe. Os peritos em saúde sexual Dr John Dean e Dr David Delvin avisaram que esta práctica (o uso do ânus como fonte de prazer) acarreta riscos maiores de disseminação de doenças sexualmente transmissíveis (DST) que qualquer outra actividade sexual.

Claro que para socialistas como o José "Vai-te Embora e Não Voltes" Sócrates, e para o Francisco "Crianças de 16 anos deveriam votar" Loiçã e para o PT brasileiro, o que Medicina diz sobre o sexo anal não interessa. O que interessa é avançar com estratégias como o "Brasil Sem Homofobia" ou coisas como esta como forma de destruir a civilização Judaico-Cristã.

A natureza pouco saudável da homossexualidade em nenhuma outra área é feita manifesta de forma mais conclusiva que na recusa dos bancos de sangue em aceitar sangue doado por HSH. Os Serviços de Transfusões de Sangue e de Transplantação de Tecidos em Inglaterra não aceitam donativos de sangue provenientes de homens que tenham relações sexuais com outros homens, independentemente deles usarem preservativos ou não. Esta política não só é baseada na avaliação imparcial das evidências disponíveis como também é feita para garantir um reservatório de sangue seguro e livre de contaminação.

Comentado os dados mencionados em cima, o Dr Paul Cosford, director executivo da Health Protection Services na HPA, disse:

Infelizmente, apesar de um pequeno decréscimo nos casos durante os últimos anos no Reino Unido, novas contaminações estão em sentido crescente, especialmente entre os homens que tem relações sexuais com outros homens. . . . Isto tanto é o resultado de novos casos virem à tona para serem diagnosticados, como também o elevado número de contaminações em curso especialmente entre os homens.
Em Setembro último um estudo mostrou que as taxas de contaminação em França eram 200 vezes mais elevadas entre os homens homossexuais do que entre homens heterossexuais.

Cientistas do Instituto Nacional Francês para a Monitorização Saúde Pública verificaram que cerca de metade dos 7,000 novos infectados com o HIV em 2008 eram homens homossexuais. Stephane le Vu, que liderou a pesquisa, disse que a transmissão do HIV "parece estar fora de controle" entre os HSH.

Também em Setembro passado uma pesquisa distinta revelou que os HSH estavam a "abastecer" as infecções na Europa. Pesquisadores belgas examinaram 500 pacientes que haviam sido recentemente diagnosticados com o HIV e descobriram que a maioria das infecções era entre homens jovens e caucasianos que tinham sexo com outros homens.

A pesquisa levada a cabo por cientistas da Universidade em Ghent revelou também que estes homens eram também mais susceptíveis de haver contraído outras infecções sexualmente transmissíveis como a sífilis.

Contaminados, Promíscuos e Perigosos.

Os resultados do estudo belga recebeu o apoio do Terrence Higgins Trust. Nick Partridge, chefe executivo do Trust, disse na altura
Os homens homossexuais são o grupo mais em risco de infecção no Reino Unido. . . . Nós sabemos também que mais de um quarto das pessoas com HIV no Reino Unido ainda está sem diagnóstico e eles são mais susceptíveis de transmitir o virus do que aqueles que sabem estarem contaminados.

Apesar da montanha de evidências que claramente aponta para a natureza anormal do comportamento homossexual, ainda há pessoas que querem usar o aparelho do Estado para avançar com a agenda de pessoas que acreditam que desejos sexuais são base suficiente para se criarem "direitos humanos".

Reparem também que as mesmas pessoas que entram pelas escolas adentro com o intuito de "promover a diversidade" nunca nos falam de coisas incómodas, como por exemplo, o facto dos bancos de sangue de países civilizados rejeitarem de todo qualquer doação sanguínea proveniente de homossexuais activos.

Se homens que tem sexo com outros homens estão a executar uma práctica tão normal como aquele que os homens levam a cabo com as mulheres, como é que se explica que os bancos de sangue descriminem o sangue dos homens homossexuais activos? Serão os bancos de sangue organizações "fanáticas religiosas" cheias de "homofóbicos"? Ou é apenas a Medicina a não querer tomar parte da "nova sexualidade"?

1 comentário:

  1. Aqui no Brasil também há esse combate.. sabe-se que pessoas que tenham vida promíscua (com vários parceiros, ainda que héteros) ou homossexuais também recebem recusa nos bancos de sangue em função do que é dito na entrevista antes da doação... Já conversei com uma enfermeira sobre isso por lá.. eles não falam abertamente por causa do lobby gay instalado no país em programas como o da Fátima Bernardes por exemplo, mas se vc conversar com eles em off, falam tudo.. sobre o perfil diário das pessoas que desejam doar, inclusive nesses casos.

    ResponderEliminar

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem profana e grosseira.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
.......
Os editores do blogue reservam para si o direito humano de remover comentários que não estejam de acordo com o propósito e a política do mesmo.

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...